Conheça a trajetória de Fábien Oliveira, ourofinense que irá representar o Brasil e a América Latina na Suíça

0
26105

Fábien Giovanni de Oliveira nasceu no dia 31 de Agosto de 1995 no munícipio de Ouro Fino – Minas Gerais. No início de sua jornada escolar, Fábien enfrentou muitas dificuldades de adaptação na escola, era bem tímido e se relacionava com poucos amigos. Porém, a medida que os anos se passavam, Fábien aprendeu a se adaptar no ambiente escolar, e a partir daí, fez da escola a sua segunda casa.

Desde o ensino fundamental, Fábien já demonstrava sua grande aptidão para o conhecimento, se diferenciando claramente dos seus colegas de classe. Durante esse período do ensino fundamental, ele conseguiu várias bolsas de estudo nas escolas particulares de Ouro Fino e teve a oportunidade estar em contato com bons materiais de ensino. Optou por estudar praticamente toda sua vida escolar na Escola Rochel COC de Ouro Fino, onde também recebeu várias bolsas de estudo por méritos de seus bons resultados.

Durante todo o ensino médio, Fábien continuou tendo seus bons resultados no colégio, porém agora ele queria mais, e então ele começou a ter contato com o empreendedorismo. Embora fosse um conceito novo e que estava chegando no Brasil, ele buscou estudar muito sobre o que é empreender, e tinha varias ideias de aplicar esse empreendedorismo eu um projeto de engenharia tecnológica, que era aquilo que ele mais gostava.

Ao final do último ano escolar, Fábien decidiu fazer Engenharia, cuja decisão já havia sido tomada desde o ensino fundamental. Foi então, que foi aprovado no curso de Engenharia de Controle e Automação na Universidade Federal de Itajubá (UNIFEI).

Durante o seu primeiro ano na universidade, em 2014, Fábien já começou a desenvolver seus projetos no Centro de Empreendedorismo da Universidade, onde viria a ter várias ideias com possíveis aplicabilidades. No início de 2015, Fábien fundou, com alguns amigos da sua universidade, sua primeira empresa, chamada Oriens Energia, “uma startup que trabalha com projetos, monitoramento e instalação de sistemas de eficiência energética e geração solar fotovoltaica, otimizando o consumo de energia e levando energia renovável para todos”. No mesmo ano, Fábien foi campeão do Startup Weekend Maker UNIFEI 2015 com a Oriens Energia, considerado o primeiro startup maker da América Latina.

Em 2015, se tornou Pesquisador Tecnológico do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). Neste mesmo ano, Fábien também se tornou capitão de mecânica da Robok, Equipe de Robótica Autônoma da UNIFEI, onde desenvolve robôs autônomos, ou seja, robôs que se movimentam através da comunicação a rádio com um computador, sem precisar de um controle remoto ou intervenção humana, por meio de um software criado pela equipe para realizar tal operação.

Paralelamente as suas atividades e compromissos universitários, Fábien participava de inúmeras competições de Tecnologia pelo Brasil. Em 2016, foi um dos 50 selecionados entre 2.000 candidatos para participar do Hackathon Globo, organizado pela TV Globo que acontece dentro da casa do Big Brother Brasil (BBB), considerado, por muitos, a competição de maior nível tecnológico do Brasil. No Hackathon Globo 2016, Fábien e sua equipe criaram um projeto sobre Gifs. “A ideia foi de implementar o GINFO, um sintetizador de manchetes e notícias em GIFs. Em que foi feito um software baseado em um banco de dados, no qual bastasse o usuário do software entrar com uma URL de uma notícia e o software automaticamente gerava um Gif daquela notícia”. No final da competição, a equipe de Fábien foi anunciada como vencedora do Hackathon Globo 2016. 

Essa conquista abriu várias “portas” para que ele pudesse ser selecionado para diversas outras competições de tecnologia e pudesse ser premiado em várias dessas competições.

Segue abaixo uma seleção de Reconhecimentos e Prêmios que Fábien já recebeu em Eventos, Competições de Tecnologia e Hackathons:

– Campeão do Hackathon Globo 2016.

– Participação no Shift Hackathon 2016, evento organizado pelo Facebook e MasterCard, realizado na sede do Facebook Brasil, com a equipe PackFast.

– Campeão do Startup Weekend Maker UNIFEI 2015, considerado o primeiro Startup Maker da América Latina.

– 3° lugar no Maker Hacklab UNIFEI, com a equipe Locked.

– Campeão do Startup Weekend Maker UNIFEI 2016, com a equipe CogaTec.

– Participação no Hackathon Viagens, organizado pela Associação Brasileira de Agências de Viagens – ABAV.

– Participação no Hackathon FIESP, organizado pelo Comitê Acelera FIESP.

– Entrevista ao Programa de TV “HORA DO ENEM” da TV CULTURA, grande canal de televisão brasileiro focado em educação, onde falei sobre empreendedorismo, dos meus projetos tecnológicos, das minhas conquistas, enfim, falei da minha trajetória com o objetivo de estimular os jovens do Brasil todo que estavam prestes a realizar seus vestibulares.

– Campeão do Hackathon MATERA com a equipe 2FHT, organizado pela MATERA Systems.

– Participação no Hackathon Visa 2017 com a equipe PackBuy, organizado pela Visa Brasil.

– Participação no Hackathon John Deere 2017 com a equipe Dashboard, organizado pela Jonh Deere da América Latina.

– Premiado entre os 100 Melhores Empreendedores do Brasil, na Open Innovation Week (Oiweek).

– Campeão do Hackathon Metropolitana EMTU com a equipe TOP DOW, organizado pela Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos de São Paulo – EMTU.

– Premiado como um dos 20 melhores desenvolvedores do Brasil de projetos de IoT (Internet of Things) pelo Programa da Qualcomm e Embarcados.

Diante de todas essas conquistas, Fábien queria ir ainda mais longe, e depois de muita dedicação e esforço, conseguiu alcançar seus objetivos. Recentemente, Fábien foi selecionado para para participar da Olimpíada Internacional de Tecnologia e Inovação, International Create Challenge ICC’2017, em Martigny, na Suíça. Este ano foram selecionados 7 países, sendo um deles o Brasil, onde Fábien foi selecionados para representar o Brasil e a América Latina nesta Olimpíada. A competição irá acontecer do dia 30 de Agosto ao dia 20 de Setembro em Martigny, na Suíça. Durante a Olimpíada, Fábien irá apresentar um projeto tecnológico de mobilidade urbana, chamado Milênio Bus, composto por um hardware e um aplicativo de celular que interligado ao ônibus permite o passageiro realizar o pagamento da passagem de forma digital, além de outras funções, como saber se o ônibus que irá utilizar está cheio ou não.

Fábien nos contou detalhes sobre o projeto, confira abaixo:

“O projeto Milênio Bus surge como uma maneira de integrar a tecnologia de IoT (Internet of Things) no setor de mobilidade urbana nas cidades. O projeto nasceu em Março de 2017 em um evento de tecnologia (Hackathon) para melhorar a Mobilidade Urbana nas cidades, organizado pela EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos do Estado de São Paulo). Sendo assim, o projeto apresenta um hardware e um aplicativo de celular que integrados em um veículo de transporte público tem funcionalidades que facilitam o dia a dia dos usuários.

O projeto integra a tecnologia IoT no transporte público juntamente com um aplicativo, assim o objetivo é trabalhar com pagamentos digitais, informações ao passageiro e geração de dados com Big Date, onde será usado tecnologias computacionais para gerar os dados na nuvem.”

Fábien consegue demonstrar através da sua trajetória e suas conquistas que independente do lugar que se esteja, todos são capazes de alcançar seus objetivos. Ele comprovou com suas conquistas que, além do projeto, o quão longe um ourofinense poderá ir para representar o Brasil. Isso é muito importante para a cidade de Ouro Fino, para os jovens, para o nosso país e principalmente para que as pessoas reflitam que não é só nos grandes centros que os jovens tem acesso a tecnologia e podem se destacar.

Carta Oficial da Suíça para a participação de Fábien na Olimpíada

Responda