Rafael Silva fala sobre o arquivamento do pedido de cassação de seu mandato de vereador

0
200
Vereador Rafael Silva
Vereador Rafael Silva

A Câmara Municipal de Ouro Fino recebeu uma denúncia contra o vereador Rafael Silva (PSC) promovida por Marcos Silva de Menezes, o Bilo (SD), que ficou como seu suplente nas últimas eleições e que também foi assinada por Valder Neidson Gomes, advogado.

Segundo os denunciantes Rafael Silva estaria desempenhando seu mandato em situações em quebra de decoro parlamentar. Que teria ofendido seus colegas e a Câmara e até mesmo agredido um dos vereadores com beliscões.

A Câmara sorteou uma comissão processante que foi formada pelos vereadores Antônio Ricardo, José Maria e Wanderley Candido. E que, após mais de uma semana de intenso trabalho, emitiu parecer por seu arquivamento uma vez que não havia qualquer indicio de irregularidade contra Rafael Silva. Tal denúncia e o parecer da comissão foram votados no plenário da Câmara Municipal no dia 21/08 e foi arquivada por unanimidade.

Diante do ocorrido, o Vereador Rafael Silva, que também é advogado, afirmou que tomará todas as medidas criminais contra os denunciantes uma vez que tal denúncia apresentava uma série de irregularidades. Inclusive a advogada Dra. Nathália Souza, supostamente contratada por Bilo, manifestou-se publicamente perante a Câmara dos Vereadores e ao Delegado de Polícia por desconhecer os fatos, a denúncia enviada a Câmara dos Vereadores, muito menos a pessoa do denunciante, ou seja, seu nome fora citado e usado sem o seu consentimento, dentre outras irregularidades que estão sendo apuradas pela Polícia Civil e Ministério Público.

Rafael Silva manifestou-se publicamente sobre o ocorrido através de sua página oficial na rede social Facebook (Página – Rafael Silva Novas Ideias), conforme segue link e vídeo anexo:


Em tal postagem, Rafael Silva, incluiu o seguinte texto de sua autoria:

Vereadores em Ação – Rafael Silva – Denúncia

”Política e politicalha de baixo nível. Câncer do Brasil, mau em Ouro Fino.

Esta semana a Câmara dos Vereadores recebeu uma denúncia contra o meu mandato, promovida pelo meu suplente Marcos Silva de Menezes, vulgo Bilo, em que pedia minha cassação. Segundo sua denúncia infundada, eu estaria agindo em quebra de decoro parlamentar. Denegrindo a imagem da Câmara, desrespeitando colegas vereadores e que, segundo ele, até mesmo teria eu agredido um colega vereador com beliscões. Tudo mentira, tudo sem provas e tudo motivado por inveja e desejo de tomar o meu mandato no tapetão.

A Câmara sorteou um Comissão Processante para receber e apreciar a infundada denúncia tendo sido formada pelos vereadores Antônio Ricardo (Jacarezinho), José Maria de Paula e Wanderley Candido. Ao final de um trabalho de muito esforço e dedicação a comissão emitiu parecer pelo arquivamento, uma vez que não procedia tal denúncia. Nesta segunda, o plenário votou e todos os vereadores votaram pelo arquivamento pois conhecem minha conduta. Foram justos.

Agradeço a Deus pela oportunidade de servir Ouro Fino com o mandato de vereador, agradeço a igreja e amigos cristãos pelas orações, aos vereadores pelos trabalhos realizados e justiça aplicada, aos eleitores que confiaram em mim o mandato, e ao meu dileto amigo e exímio advogado Dr. Camilo de Souza Ferreira, Camilinho, pela assessoria jurídica, pela brilhante atuação e sentimento cristão em ver a justiça prevalecer e Ouro Fino avançar. A todos o meu muito obrigado. Segue o jogo. Seguem todos os nossos trabalhos com o mesmo empenho propondo projetos e fiscalizando os atos do executivo com fé e vigor.”

Tamo Junto e que Deus abençoe a todos.#notapetaonao #eleicaoseganhanovoto

Após isso, o vereador seguirá com seu mandato normalmente.

 

Responda