7,5 toneladas de queijo são apreendidas em Ouro Fino

0
2122
Queijo apreendido (Créditos: EPTV Sul de Minas)

Nesta sexta-feira (05), a Polícia Militar Ambiental junto com o Instituto Mineiro de Agropecuária receberam uma denúncia anônima, alegando que cerca de 7,5 toneladas de queijo estavam sendo armazenadas em containers sem refrigeração.

O laticínio, localizado na zona rural de Ouro Fino, já estava interditado desde o fim de 2017 pela Vigilância Sanitária por falta de condições para a produção dos alimentos. E, segundo a fiscal do IMA, o local não possuía autorização do órgão para produzir queijos pois o estabelecimento estava em obras.

Devido ao ocorrido, a proprietária do laticínio será processada por crime de poluição ambiental, em razão de que produção não autorizada dos queijos estaria causando danos ao solo.

Em comunicado oficial, a empresa negou ser dona dos produtos apreendidos, mercadorias estas que foram levadas para o aterro sanitário do município.