Rafael Silva não faz uso do dinheiro de diárias pelo segundo ano consecutivo

0
707
Vereador Rafael Silva (Foto: Facebook)

Embora os vereadores de Ouro Fino tenham direito ao uso de verbas públicas para diárias de viagens, hospedagens, refeições, combustíveis e uso de veículos da Câmara Municipal, o vereador Rafael Silva , pelo segundo ano consecutivo, abriu mão deste direito em prol da economia aos cofres públicos.

Em pesquisa realizada junto à Câmara Municipal, o Observatório de Ouro Fino apurou que todos os outros 10 vereadores fizeram uso de mais de 29 mil reais com viagens. Alguns, isoladamente gastaram mais de 6 mil reais em viagens só em 2018. Contudo, Rafael Silva fez diferente e arcou com todos os gastos do seu mandato, sem gastar um centavo de verbas públicas, o que já havia feito em 2017, tendo utilizado novamente no ano passado de seus recursos próprios e seu veículo particular e não veículos da Câmara.

LEIA TAMBÉM: Vereadores gastaram quase R$ 30 mil com diárias em 2018

Segundo o Ver. Rafael Silva, ele destaca que o valor que recebe a título de subsídio como vereador é reinvestido para financiar seu mandato e trata-se de valor mais do que suficiente, não havendo razão para utilizar verbas públicas. Disse que sabe que as verbas são direitos dos vereadores e que cada vereador tem uma realidade diferente, no entanto, destacou que tem profissão e não vive do mandato. E que o Estado de Minas Gerais está quebrado e que Ouro Fino sofre com isso, desta forma, entende que toda economia é bem vinda e que cabe a cada agente público ser criativo e econômico em prol do bem estar da população.