Nutrição Inteligente | Agora é a vez deles!

0
467
Novembro Azul
Novembro Azul (Foto: Reprodução)

Novembro Azul: Mês mundial de combate ao câncer de próstata.

Câncer de próstata é o tumor que afeta a próstata, glândula localizada abaixo da bexiga e que envolve a uretra, canal que liga a bexiga ao orifício externo do pênis. Depois do câncer de pele, o câncer de próstata é o mais frequente entre os homens. Embora seja uma doença comum, por medo ou por desconhecimento ou até mesmo vergonha, muitos homens preferem não conversar sobre esse assunto.

No Brasil, o câncer de próstata é a segunda causa de morte por câncer entre os homens, com mais de 14 mil óbitos. Nos últimos dados do INCA – Instituto Nacional do Câncer, as estimativas apontaram para 66.220 novos casos em 2018, que correspondem a um risco estimado de 66,12 casos novos a cada 100 mil homens.

Homens com histórico familiar (se algum homem da família já teve câncer de próstata, a chance de desenvolver a doença é ainda maior); idade acima dos 50 anos ou 45 que fazem parte do grupo de risco, devem ir ao urologista anualmente; cor da pele: negra (homens negros tem mais casos deste tipo de câncer); e obesidade: (homens com sobrepeso ou obesos), além do uso abusivo de bebidas alcoólicas, tabaco e sedentarismo, tem mais chance de desenvolver a doença.

É uma doença silenciosa que não apresenta sintomas, porém é possível perceber alguns sinais. Qualquer um destes sinas, procure um especialista.

– Dificuldade ao urinar;

– Demora em começar e terminar de urinar;

– Sangue na urina;

– Diminuição do jato de urina;

– Necessidade de urinar mais vezes durante o dia ou à noite.

Para investigar os sinais e sintomas de um câncer de próstata e descobrir se a doença está presente ou não, são feitos basicamente dois exames iniciais. 

  • Exame de toque retal
  • Exame de PSA: é um exame de sangue que mede a quantidade de uma proteína produzida pela próstata – Antígeno Prostático Específico (PSA). Na maioria dos homens, o nível de PSA costuma permanecer abaixo de 4 ng/ml.

Alguns pacientes com nível normal de PSA podem ter um tumor maligno, que pode até ser mais agressivo, por isso esse exame, feito de forma isolada, não pode ser a única forma de diagnóstico.

  • Para confirmar o câncer de próstata é preciso fazer uma biópsia.

Estudos comprovam que uma dieta com menos gordura animal, rica em frutas, legumes, grãos e cereais, auxilia na redução do câncer e de outras doenças crônicas não transmissíveis. Além disto, 30 minutos de exercício físico todos os dias, manter o peso adequado, diminuir o consumo de álcool e não fumar são hábitos para a prevenção desta doença.

Lembrem-se: a força de um homem está na coragem de se cuidar!

Você pode encontrar Maristela nas seguintes redes sociais:

Instagram 

Facebook