Câmara instaura CPI do DMAAE para apurar possíveis irregularidades durante gestão de Bruno Zucareli

0
339
CPI instaurada na Câmara Municipal de Ouro Fino
CPI instaurada na Câmara Municipal de Ouro Fino (Foto: Câmara Municipal de Ouro Fino)

Durante a 13ª Sessão Ordinária do ano de 2020, realizada na última segunda-feira (03), a Câmara Municipal de Ouro Fino abriu CPI do DMAAE para apurar possíveis irregularidades na gestão de Bruno Zucareli, atual pré-candidato a prefeito da cidade. Os legisladores receberam denuncia de Donis de Almeida do Couto.

Na última semana, um áudio foi espalhado nas redes sociais, nele, um rapaz relata irregularidades gravíssimas no DMAAE, que era gerido por Bruno Zucareli. Dias depois, o mesmo denunciante gravou um novo relato, negando o que havia dito anteriormente.

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) será composta por Rafael Silva, Márcio Daniel Ígidio e Paulo Luiz Cantuária, que irão apurar todo o caso e dar uma resposta ao denunciante.

Durante a Sessão Ordinária, Rafael Silva comentou sobre o caso. De acordo com o vereador, a denúncia tem um cheiro muito forte de ser politiqueira, já que o denunciante faz parte do grupo político de João Giordani, pré-candidato a vice-prefeito.

Antônio Carlos Franceli também se pronunciou, o vereador disse: “O áudio que correu nas redes sociais já foi desmentido pelo próprio autor. O Bruno fez um ofício para o DMAAE pedindo um levantamento sobre todas as obras feitas no período que ele esteve à frente do departamento”

O vereador Marcio Daniel Ígidio defende a importância de apurar a denuncia. Em seu pronunciamento, o vereador disse: “Nessa semana saiu um áudio de um problema com tintas e o rapaz já desmentiu nas redes sociais. Nessa de vai, não vai, chegou a denúncia para nós vindo de um cidadão e vamos investigar. O vereador precisa de documento, não pode fazer uma CPI com base em boato. Hoje vamos fazer essa CPI e apurar certinho se houve ou não irregularidade no Dmaae”.

Os integrantes da comissão terão 90 dias para apurar os fatos denunciados e apresentar uma resposta ao denunciante.